segunda-feira, 21 de março de 2011

Quem sou

Apresento-me: tenho, além de outras coisas, 40 anos de jornalismo desportivo em cima, muitos dos quais dedicados a assuntos que extravasaram em muito a reles e entediante análise futebolística a que estamos habituados. Fui aprendiz de feiticeiros, chefe de uns, subalterno de outros, assisti a muita coisa, vi, cheirei, repudiei muita outra e, nos juízos finais, quis sempre poder dizer mais do que me deixaram.
Ao longo destas 4 décadas de serviço profissional, prezei sempre o contacto directo com os meus leitores, ouvi muitas críticas, ouvi muitos elogios e, ao fim deste tempo todo, e já há algum tempo, o que me pedem é que fale, que diga o que sei. Por razões puramente profissionais, não pude nunca apontar directamente o dedo àqueles que mancharam - e mancham - a verdade e a justiça do futebol em Portugal. Sofri ameaças, promessas de despedimento, insultos e fui passando pelo jornalismo desportivo como pude, procurando ser fiel aos meus princípios e à conduta profissional que sempre respeitei e quis cumprir. Mas nem sempre pude. Por razões que se prendem com factos tão simples quanto os de querer chegar ao final do dia e poder alimentar-me, alimentar os meus filhos e não acabar a boiar num rio qualquer. Sim, é assim perigoso, desafiar as leis do polvo futeboleiro português.
Não é história, ou estória, contada por mentirosos. O futebol em Portugal está - acreditem - corrompido por uma força poderosa a que ninguém tem a coragem de olhar nos olhos e enfrentar seriamente. Muitos refugiam-se em insinuações mais ou menos evidentes, muitos queixam-se do conteúdo mas usam formas que não beliscam os alvos nem informam os leitores do que verdadeiramente se passa desde que Jorge Nuno Pinto da Costa chegou um dia ao poder. Nada, nem ninguém, foi igual no nosso futebol desde esse fatídico dia. Tenho amigos que, no cumprimento das suas funções jornalísticas, foram insultados (como eu), foram humilhados (como eu) e foram, ao contrário de mim, violentados e agredidos apenas e só porque se dedicaram ao seu labor. Isto acontece há 30 anos no futebol em Portugal.
Quis sempre muito mas não pude. E foi esse peso na consciência (porque acredito que todos devem saber a realidade) que me fez andar a vaguear na ideia de encontrar um espaço em que, anonimamente, desse lugar às palavras e às histórias reais que se passaram comigo e com colegas meus ao longo destas décadas.
Não sou hipócrita, como muitos que dizem não ter clube. Eu sou um apaixonado pelo desporto, pelo futebol em particular, e como tal tenho a minha preferência clubística. Sou do Sporting, sempre fui do Sporting. Desde muito novo porque o meu Pai, sportinguista doente, me transmitiu essa paixão e eu segui-a, sem nunca ferir as minhas obrigações como jornalista. Espero que o facto de admitir o meu clube sirva não para me julgarem sob esse foco mas pelo contrário para verem na assumpção um caminho facilitador contra demagogias e falsas pretensões.
Estou aqui para informar. Escreverei sobre o polvo (que tem muitos, alguns inimagináveis, tentáculos) e o mal a que tem votado o nosso futebol. Um polvo criado por papalvos, ignorantes, mesquinhos, donos de uma falta de civilidade a todos os níveis abominável que lhes permite viver na completa impunidade, subjugando e martirizando quem procura denunciá-los.
Sejam todos bem-vindos ao O Polvo dos papalvos.

36 comentários:

Manuel disse...

Ora até que enfim um sportinguista com coragem, com espinha dorsal, que não tem medo de colocar a boca no trombone. Seja bem-vindo! Esperamos ansioso que comece a contar tudo aquilo que sabe e viveu. Será um serviço inestimável que prestará aos desportistas que anseiam por um deporto mais limpo e honesto, em particular, e aos portugueses em geral.

leaozinhoatemorrer disse...

Gostei desta: mas todos sabemos que algo muito grave continua a passar-se no nosso triste Futebol. Quem manda neste momento na Liga? Um Senhor que após não ter dado por ela uma viagem ao Brasil paga por subornos a senhor Árbitro que por sinal estava indicado pelo porto para mandar na arbitragem, se zanga e diz que abandona a SAD da Máfia.Logo a seguir aparece candidato à Liga de Futebol. É demasiado visível que está tudo podre de cima abaixo, e o pior é que o polvo mor mesmo morrendo vai deixar tentáculos durante muitos anos. Todos os Árbitros dito os melhores, foram lá postos por este POLVO. Esta época foi mais uma palhaçada. Quem sabe o Sporting não poderia ter ficado pelo menos em 2º. lugar? Assim, temos que lutar para ir à Liga Europa.Vamos a ver o que se vai saber mais. Para mim, nada será de admirar um dia. Quando o Apito Dourado nada deu, que mais se poderá fazer?

Peter Gunn disse...

Seja bem vindo à Blogosfera!

Espero que tudo corra bem e que no fim a verdade tantas vezes escondida pela tinta do polvo venha finalmente ao de cima.

Cumprimentos

Pedro disse...

Bem vindo e que não tenhas medo dos ataques e ameaças q irás, infelizmente, receber.

RS disse...

Bem vindo!

Venha o próximo post!! :)

cumps

Luis Azores disse...

Como já aqui disseram, "finalmente um Sportinguista" a admitir 25 Anos de corrupção no futebol Português.
Talvez se esse velho não tiveses aparecido o Sporting ainda fosse o segundo de Portugal. Pois o Sporting teria ganho mais campeonatos.

Boa sorte, e é mesmo melhor por enquanto não dar a cara, senão ja sabe o que lhe espera!

Luis Azores disse...

25 Anos
Boavista 1, Sporting 2, Benfica 6 e PORCOS 16.
Isso diz tudo, como um clube de segunda linha (FCPorcos) em 25 anos ganha 16 vezes. Que até ai só tinha 8 campeonatos.

Talk Talk disse...

Boa sorte neste blog é o que desejo.
No entanto aguarda: falas no polvo do FCP e tens benfiquistas a darem palmadinhas nas costas, amanhã ao criticares o Benfica e o "polvo" que esta direcção tenta a todo o custo construir verás que te chamarão de "lagarto faccioso"... e depois quando criticares o Sporting... serás uma "melancia"!
É dificil tentar que um adepto de clube veja o todo...

Carlos Alberto disse...

Não poupe nas palavras. Carregue na guerra ao Polvo!

Peter disse...

Eu sou Benfiquista e acho que o sr. se é realmente aquilo que diz(desculpe a desconfiança mas como está a dar-se como anónimo tudo é possível) deve informar os portugueses daquilo que sabe e se possível com provas.Embora não tenha exercido alguma vez essa profissão cheguei a ter dialógos interessantes sobre as temáticas que descreve com um jornalista da SIC o Daniel Cruzeiro (outro sportinguista) que me explicou que os jornalistas desportivos cedem muito aos clubes porque senão deixam de poder trabalhar nas suas instalações.Espero que traga dados novos sobre aquilo que muita gente já vê há muito tempo mas contínua impune.

luster disse...

Cá estarei para ler tudo o que vai escrever.Será necessário que aos factos lhes ponha datas e nomes dos intervenientes.Tudo sem medo.As pessoas que têm acompanhado o futebol português nos últimos 30 anos, concerteza que saberão ligar as datas aos nomes.Tudo sem receio.FORÇA!!!

John McSmith disse...

Agradeço a simpatia de todos. Quanto ao conselhos, não me levem a mal quando digo que não me interessa minimamente se quem aqui vem concorda com a forma como critico este ou aquele clube. O blogue nasceu da ideia de denunciar a corrupção existente no futebol português. Nesse sentido, falarei sobre tudo o que vivi e sei. Sem alvos definidos nem clubes protegidos. Se falar mais nuns do que noutros, será apenas porque há uns que são mais corruptos do que outros. Tão-somente isso.

Anónimo disse...

Vamos lá ver se não vais falar sempre no mesmo, ou se és um milhafre disfarçado de lagarto... olha, não te esqueças das histórias Mr. King, ok?

Anónimo disse...

quanto ao ultimo anonimo e o mr. king... é o desespero e a falta de argumentos. com efeito, nos ultimos trinta anos, temos dezenas de casos do porto, de arbitros, doping, fruta, brasil, quinhentinhos... e com o que respondem eles? com o vazio.

o mr. king, um arbitro que diz ter sido alvo de oferta de prostitutas em lisboa, mas sem dizer quem as ofereceu... porque falta os portistas dizerem que nesse jogo o benfica foi ROUBADO pela arbitragem... pequeno pormenor.

ah, e se quiserem falar das escutas do apito dourado em que o antonio araujo diz que o arbitro do porto-lyon da champions de 2004 teve direito a prostituta... estejam à vontade.

aos portistas a verdade dói sempre, porque normalmente pensam pela cabeça do pinto da costa. nao acreditam no que veem ou ouvem: acreditam no que o pintinho disser. mesmo que seja absurdo e desmentido com provas. pois é.

fruta. café. amarelinha.
quinheitnhos. ferias no brasil. envelopes. arbitros em casa. fugas para a galiza. agressoes a carlos pinhao, marinho neves, adriano, adriaanse, paulo assuncao, cebola rodriguez, raul meireles no avião!

guarda abel. carlos calheiros. jacinto paixao. azevedo duarte. soares dias. pinto correia. bento marques. isidoro rodrigues. marques da silva. josé silvano.

antónio garrido. observadores e delegados. doping. superdragoes. juizes às ordens. fpf a mentir na uefa para o porto ir a champions. presidentes do cj a violar a lei.

enfim: a mística do porto. nestes 30 anos, por cada pecado do SLB ou SCP 50 ou 60 do clube corrupto.

Anónimo disse...

seja bem vindo.
afinal ainda existem sportinguistas, sim sportinguistas e nao lagartos anti benfica.
espero que percebam de uma vez por todas, que quem prejudica o sporting é o porto e nao o Benfica.
o Benfica só quer um futebol limpo e o sporting se quisesse o mesmo nao estava na situaçao que está.
que deixem de ser submissos e que defendam o seu clube contra o inimigo do futebol, os corruptos do porto.

Joseph Lemos disse...

Meu caro

Possivelmente já nos cruzámos na sagrada arte de comunicar e digo possivelmente porque,o tempo vai diluindo muitas coisas e até memórias.
Há 27 anos que deixei o país e já quase nada me liga ao torrão natal,embora o vá visitando uma vez por outra.
Contactos foram-se também perdendo com o tempo e distância.Para além de um ou outro amigo,(não estou contando os virtuais) dois ou três familiares com pouca ou quase nula interligação,a ligação mais forte com o país é mesmo o Benfica. Pronto, sou lampião e com muito orgulho.
Serve a ''introdução'' para lhe dar as boas-vindas no combate ao mais ignóbil animal sobre a terra: Gangster da Costa.
Força companheiro.

P.S.- O Polvo dos papalvos fará parte,desde agora da lista de preferência lá no meu cantinho.

mWo disse...

Seja muito bem-vindo à blogosfera meu caro. É sempre útil e de saudar mais uma pessoa a lutar contra e a desmascarar uma das maiores vergonhas da nossa sociedade.

Com certeza esta vai ser a primeira de muitas visitas ao seu espaÇo!

Cumprimentos e SaudaÇões Desportivas!

André Manita
http://benfica-world-order.blogs.sapo.pt

ÉS UM OTÀRIO disse...

este é tanto sportinguista como eu sou do belenenses. é como as melancias, verde por fora mas vermelho por dentro!
Cobardolas que nem coragem tem para se assumir!

Tiago disse...

Congratulo esta iniciativa. E percebo que só possa ser efetuada desta forma. É óbvio que durante vários anos houve jornalistas que foram silenciados e que outros (quase sempre do FCP) foram promovidos muito rapidamente. E muito mais se passou que uma pessoa como eu, que não é do meio, não assistiu ou tomou conhecimento.

Hugo Surrador disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

nao se deixe intimidar caro John, a verdade sempre triunfa e nós somos mais que eles, voce está bem protegido.

Hugo S. disse...

Boa tarde,

Venho por este meio dar o meu virtual apoio nas tentativas de desmascarar a podridão do nosso futebol, sejam eles quem forem que pertençam a este dito polvo.

Sejam de clube que forem, julgo que temos de ser mais honestos, se for o nosso clube o desonesto, não podemos virar a cara para o lado e fingir que não é nada connosco.

Como se pode ver por alguns comentários, nota-se como o polvo trabalha bem, não só nos meandros do futebol, mas também na lavagem cerebral, pois qualquer coisa que se diga contra o FCP, é logo visto como um ataque ao mesmo, que estão a persegui-los.

Seja eu adepto do clube que for, não é importante para o que o Sr. McSmith possa revelar o que tiver para revelar, é importante é ser revelado.

Doa a quem doer, é importante correr com as corjas que prejudicam o nosso futebol.

Sr. McSmith, obrigado por aparecer e vá revelando o seu conhecimento das coisas.

Eu sou português, adepto do futebol, contra os jogos de secretaria e camuflados.

Anónimo disse...

Bebe agua que a azia passa depois

xplisboa disse...

Benvindo à blogosfera.

Espero ansiosamente pelos próximos posts, porque pelo que li, gosto muito da atitude.

Um forte abraço

JJD disse...

So agora tive conhecimento...Seja bem vindo e que nunca lhe doam os dedos.Por um futebol verdadeiro.
SLB4EVER Rumo****

Anónimo disse...

Força amigo não tenha medo e revele tudo o que sabe acerca deste assunto.O País em geral e o futebol em particular irão ficar-lhe muito gratos.A corrupção continua.1.ª jornada penalti que não existe contra a Naval, mão de rolando no jogo com o Nacional da Madeira penalti contra eles no jogo com o Vitória de Guimarães penalti contra eles no jogo com o vitória de Setubal, se o jogador do Setubal não falhasse ainda agora lá estaria a marcar até falhar; dupla falta de álvaro pereira para penalti contra eles no jogo com o Rio Ave, o Árbitro mostrou cartão amarelo ao jogador do Rio Ave.Abaixo a corrupção lutemos pela verdade desportiva.

Anónimo disse...

Parabéns pela coragem e iniciativa. Como Benfiquista, vejo que infelizmente muitos dos adeptos do Sporting não têm a sua postura e preferem aliar-se à corrupção, desprezando o seu próprio clube, deixando-o chegar ao estado em que se encontra. Espero que muitos "sportinguistas" sigam o seu exemplo e sejam verdadeiros Sportinguistas, com coragem e personalidade para combater os criminosos.
Votos de um bom trabalho, que certamente irei acompanhar.

Anónimo disse...

Meu caro , eu estou na mesma luta que você e como você nãop tenho medo dos desdentados e criminosos adeptos do Clube da Corrupção , a mim nunca me irão calar e um dia irão pagar pelos crimes que cometeram

Anónimo disse...

Excelente blog, não tenha medo.

Cumprimentos,
Jorge P.

às vezes... disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
the_passenger disse...

Aqueles (andrades, que já eriçaram o pêlo para o que aí vem e já vêm com as suas estórias 'fabulásticas' para se ilibarem de alguma coisa) que falam no Howard King, sugiro que verifiquem bem a história dele. O homem foi pago pelo News of the World para contar aquela historieta. Posteriormente a UEFA investigou as alegações dele e concluiu que foi tudo mentira e baniram-no por isso. Mais tarde na sua vida foi apanhado a masturbar-se dentro dum táxi. Ainda foi acusado por jogadores do Caen de arbitrar um jogo bêbado.

Para além disso, as historietas dele às tantas reservam-nos está pérola: «Quando precisava de uma rapariga dirigia-me a intermediários dos representantes do clube que me parecia mais vulnerável e dizia-lhes:" Este jogo é muito importante para vocês: carecem da qualificação e o árbitro serei eu, a menos que arranjem as coisas de forma a que possa levar a rapariga comigo garanto-vos que a vitória não será vossa ."» - quando é o próprio árbitro a fazer exigências aos clubes para que estes não sejam prejudicados por ele, acho que está tudo dito em relação à sua credibilidade. Já ouvi falar em clubes que corrompem árbitros para obter favores, agora árbitros que corrompem clubes para não os prejudicar é sem dúvida a primeira vez que oiço falar de tal coisa… Sem dúvida, um exemplo de moral e de isenção que qualquer árbitro deve seguir... Portanto, daqueles árbitros que nunca o deveriam ter sido.

Quanto ao John McSmith, peço-lhe que nos conte tudo o que sabe sem medo e sem reservas, não se coibindo de referir nomes, lugares e datas. E não tenha medo, que na internet o que não faltam são cães corajosos que atrás de um teclado ladram e ganem que nem cães raivosos, mas quando o têm que largar e dar a cara são mansos, mansos...

Anónimo disse...

Os blog dos tristes!

Ricardo disse...

Coragem para admitir o clube mas sem coragem para admitir a identidade! Mas compreendo.

Este é um problema que vai para além dos clubes. Todos são mais ou menos culpados e todos, mais ou menos cumplices. Começa a afectar a própria sociedade. Tem que acabar!

Só haverá verdade desportiva quando os clubes se começarem a queixar de terem sido beneficiados!

Gostei do que li. Já está nos favoritos. Vou acompanhar. Felicidade na continuação do projecto.

Seismilhoesum disse...

Para o és um otário:


A "impressão" que tem é que o jornalista deste blog é melancia. Nada pior que a ignorância arrogante, logo, propalada. Informe-se melhor pois o senhor em causa é um Sportinguita a que lhe louvo a coragem (e a temeridade)e com certeza que os "podres" que deve saber (também devem existir) sobre o Benfica e o Sporting irão ser "postados"!

Bruno disse...

Ó´MEU GANDA PAPALVO´VEME ISTO:

https://picasaweb.google.com/blogdoblueboy/CoNtRaDOSsiErOApitoBermelho#slideshow/5090158036797158210

Manuel disse...

Este Bruno engana quem? É mais um andrade a quem lhe passaram, pelo MPA (MInistério da Propaganda Andrade), cópias de um chorrilho de especulações feitas pelos jornais pasquins, cópias feitas às dezenas da mesma notícia especulativa, muitas delas fabricadas pelos suspeitos do costume, os especialistas do Pato.

Fizeram um Apito Vermelho, mais um documento à Pato, que mais tarde a PJ acusou de ser um documento forjado, feito com papel timbrado roubado de dentro da PJ.

Como aliás são quase todas forjadas as insinuações feitas ao LFV, Veiga, e outras pessoas mais ou menos ligadas ao Benfica. O Veiga até é acusado de ter almoçado comcia um ex-árbitro, como se isso fosse algum crime, um árbitro que, por acaso até fez arbitragens vergonhosas e escandalosas CONTRA o Benfica. É só ir ao YouTube.

Já não conseguem enganar ninguém. É o desespero, pois não conseguem encontrar absolutamente nada que se compare àquilo que fazem e têm vindo a fazer. É como comparar, e tentar desculpar e branquear, um sistema mafioso bem implantado na sociedade portuguesa com a pequena delinquência. Máfia essa que até possui aquilo que ainda consegue manter a verdadeira Máfia viva e activa: a Òmerta, A LEI DO SILÊNCIO. Que também impera na Palermo portuguesa.